sábado, novembro 10, 2007

Continuação do capítulo 7

( Para quem está aqui pela primeira vez ou não aparece a muito tempo, estamos participando de uma TRAMA muito perigosa. Recomendo a leitura desde o início no capítulo UM. Mas se a preguiça falar mais alto, procure os outros textos nos arquivos. )



Exames complementares concluíram que o filho dela era do Detetive Machado.

A primeira edição do livro “escrito” por Sheila caiu como uma bomba na imprensa. Sua irmã não perdera tempo. Aproveitando-se da fama alcançada por conta do crime e da repercussão do caso, pinçou detalhes sórdidos do seu diário virtual e jogou no ventilador escandalizando a sociedade. Sem perceber ou talvez de propósito acabara atingindo figuras importantes. Sheila tinha por costume relatar em seu solitário diário o cotidiano agitado e sua vida amorosa sem poupar ninguém. Talvez confiasse no anonimato. Não havia comentários embora o espaço fosse aberto. O que não é curioso o fato de que tirando sua irmã que compartilhava o computador, talvez ninguém mais soubesse de sua existência. Um jornal popular resolveu incluir passagens falando da relação de Agnaldo e seu pai em atividades culturais promovidas para “lavar” dinheiro. Segundo o jornal, o pai de Agnaldo patrocinava peças teatrais de atores famosos. Investia quantias milionárias na produção de espetáculos e em troca recebia o prestígio dos artistas em seus eventos. Sheila se dizia íntima de uma atriz muito famosa. Expunha críticas sobre certas partes anatômicas e de atuações entre quatro paredes. Agnaldo ao contrário do que se imaginava, participava também das festinhas e gostava de incluir outras pessoas na relação. Sheila sabia da existência de suas outras mulheres, como mostra o desabafo a seguir. “Ele sai com várias garotas. Tento agradá-lo realizando suas fantasias sexuais, confesso que até passei a gostar. Por isso também não entendo a necessidade de expor nosso relacionamento dessa maneira. Ofereço meu carinho, meu amor, meu sexo, meus segredos e o que ele faz? Quando começamos a namorar ele namorava outra menina. Jamais foi minha intenção roubá-lo. Foi tudo muito natural, mas em poucos meses depois de se separar dela e me assumir, passou a fazer o mesmo comigo. Sei que sou uma boba como minhas amigas dizem. Que ele gosta de aparecer, de “tirar onda” com seus carros e com a grana que ganha fazendo coisas erradas por ai, mas não mando no meu coração e embora saiba de tudo, acabo aceitando. Também dou minhas escapulidas, a diferença é que ninguém fica sabendo. (...) (Confio que ele nunca terá acesso a esse blog) Mulher quando quer fazer, faz direito. Homem é que é bobão, quer mostrar eficiência masculina para os amigos, contar pra todo mundo quem comeu, onde comeu, quando comeu. O pior é que ele fica dando presentes caros para estas piranhas aproveitadoras. O que elas querem dele? Desfilar na escola de samba, aparecer nos ensaios para os fotógrafos de camarotes, desfrutar de tudo que o bonitão pode oferecer em troca. O que mais me impressiona é essa gente interesseira. Se não tivesse me apaixonado por este filho da puta, não estaria mais com ele. Mas infelizmente, não mando no meu coração. Sei que ele esta metido em encrencas, sei também que é isso que sustenta esse padrão de vida que tem e que me oferece. Me sinto mal as vezes, mas a vida é assim não é? Tenho planos de me casar e ter um filho com ele, assim asseguro meu futuro. Quer saber ? Dane-se o que faz ou deixa de fazer. Direitos iguais não é mesmo?”.
Mariane garantiu uma boa quantia pelos originais da irmã. Mas contraiu uma série de inimigos e passou a receber ameaças de morte. Uma delas veio com o seguinte recado, “Liberdade de expressão tem limites, o céu ou o inferno”. Sua mãe ficou doente com tantos problemas e por conta obviamente da ausência da filha querida. Na minha opinião, descobrir tantos segredos estranhos de uma pessoa depois de criá-la com carinho, amor e cuidados especiais deve ser uma grande frustração. Perdê-la de forma tão brutal fez com que sua vida se despedaçasse e depois ainda de brinde a atitude mercenária da irmã. A pobre coitada ganhou na loto ao contrário.
Comprei uma cópia do livro. Não me mencionava. Se por um lado isso fora bom pois me mantinha longe do escândalo por outro fez me sentir uma bosta insignificante. Sobre o Detetive Machado só uma poesia dedicada a ela nada mais. Poesia ridícula sendo bem honesto. Deixa ver se me lembro de uma parte. Veja só, “ As atividades soberanas da republica do meu coração eternamente seu coração completamente invadido, dominado, constituído e sem liberdade para bater se não por ti minha amada, idolatrada, salve, salve”.

O Detetive se apaixonara por Sheila. Os dois começaram a sair e como todos já sabem,ela acabou recebendo uma sementinha do policial. Talvez por algum motivo passional o Machado deva ter cortado a cabeça de Agnaldo e ao perceber q merda que fizera, assassinado também sua amada. Quantos crimes não são movidos por esse sentimento doentio? Dizem até que serve de desculpa para diminuir a pena do criminoso. Machado sabia que o pai do rapaz tinha um bom relacionamento com autoridades importantes e ao se perceber em apuros desapareceu do mapa. Deve ter fugido para alguma cidade do interior do país. O Brasil é um ótimo lugar para se esconder. Grande, com cidades tranqüilas, algumas ainda sem luz elétrica, sem infra-estrutura nenhuma. Não é à-toa que se tornou o endereço predileto de criminosos de todas as partes do mundo. Fez merda em algum país, corre para o Brasil que é lá é bonito, tem praias, mulheres gostosas e a justiça não funciona. Quantos não vieram parar aqui? Milhares. O brasileiro é tão estranho que faz com que criminosos se tornem celebridades, adoradas pelo povo. Nenhuma pista do cidadão. Não havia provas suficientes que o incriminassem também, tudo isso é uma grande especulação de minha parte, pois a única ligação com o caso fora o sangue encontrado no carro onde o traficante apareceu queimado. Machado pode ter sido morto e levado para algum outro destino. Foda-se, isso é trabalho para investigadores.

O diretor do filme me ligou e marcou uma reunião com todos os atores e atrizes escolhidos para determinar os personagens. Fiquei ansioso pelo encontro. O que caberia a mim? Protagonista sei que não seria, mas quem sabe o filho de alguém importante para a trama ou amante de alguma personagem em que tivesse cenas de nu. Nossa, imagina só, eu com a %$#%^&8 deliciosa, peladinha. Será que conseguiria controlar meus impulsos? Só vendo. Passei a madrugada toda imaginando mil coisas. E pela manhã peguei uma condução e rumei para a casa do homem. Chegando lá, subi as escadas crente que encontraria os artistas famosos com quem contracenaria mas estava repleto de gente que nunca vira na minha vida. O Diretor explicou que nós faríamos parte do núcleo dois da estória. Flávio Salinas. Sou eu. Você será o recepcionista do hotel, aqui está seu texto. (Recepcionista do hotel? Que porra é essa?) Obrigado. Pode levar e decorar, esta semana teremos o primeiro ensaio e a Malu vai te ligar para combinar hora e local. Próximo.
Caralho, sai de lá com uma página na mão. Meu personagem aparecia três vezes somente. O texto tinha pouquíssimos diálogos e eu achando que iria pegar um bom papel. Diretor filho da puta. Tive que me conter para não voltar lá e mandá-lo tomar no cu. E todos os testes que fiz? Serviram para ser um mero recepcionista de hotel?
Vejam meus trajes, terno e gravata. Pra que todo desperdício em horas e mais horas de academia, para ser recepcionista de hotel? Esse puto deve estar de sacanagem. Só vou aceitar porque sei que posso fazer esse meu personagem crescer. Vou pensar numa maneira de convencê-lo a me dar um pouco mais de espaço.
Na volta peguei um transito fodido. Havia uma rua tomada por manifestantes. Puta que pariu. Esses merdas não tem o que fazer não é? Ficam atrapalhando a porra do transito como se juntar meia dúzia de gatos pingados fosse resolver algum problema nesta bosta de país. Um calor dos infernos, gente pra caralho dentro do ônibus e estes desocupados fazendo passeata. Quando nos aproximamos do local onde estavam os cretinos coloquei minha cara para fora da janela e gritei, vai trabalhar seus vagabundos, estão atrapalhando o transito porra. Um manifestante ainda teve a cara de pau de dizer que estava fazendo aquilo por nós. Por nós é o caralho, queria ver se fosse ele dentro daquela lata de sardinha suando em bicas. Fiquei mais um bom tempo preso dentro do coletivo até chegar em casa. Fiquei pensando. O que levam estas pessoas as ruas? Será que eles pensam que vão sensibilizar estes políticos bandidos com cartazes na mão e gritinhos de ordem? Os caras estão lá em Brasília, nem ai pro que acontece aqui no Rio de janeiro. Passeata não adianta porra nenhuma. Perda de tempo do caralho. Cheguei em casa e minha mãe estava assistindo novela como sempre. Fui ver meus recados no e-mail e procurar por Melissa no MSN. Já havíamos saído umas duas vezes e ela não me deixou tocá-la como queria. Sempre com o falso moralismo padrão, como se só eu quisesse me aproveitar dela e ela fosse um cubo de gelo sem tesão. Estava determinado a comê-la ainda essa semana. Melissa apareceu. Conversamos um pouco e o máximo que consegui foi convencê-la a se mostrar um pouco pra mim na câmera. Ela é muito gostosa, fez que ia tirar, que ia mostrar e me deixou na mão. Sobrara então os sites de sacanagem que sempre acesso.

No dia seguinte comprei o jornal. As notícias de habituais. O caso de Sheila já não merecia sequer uma notinha. Muitos outros crimes dividiam a atenção junto com as propagandas. Na mesma página havia uma manchete : Jovens de classe média espancam doméstica, logo abaixo uma foto de alguns cantores convidando as pessoas para o aniversário de um supermercado. Chega a ser ridículo. Na lógica, o que vende jornal é tragédia e quem paga as contas dos jornais são os anunciantes, logo quanto mais tragédia acontecendo mais jornais vendidos, mais caro fica o espaço, mais caro pagam esses supermercados e lojas para reluzir aos olhos de quem lê. Cansei de acompanhar a violência diária e escândalos políticos. A mim o jornal só serve pra ler a parte de futebol e o caderno cultural.
Malu me ligou marcando para logo mais a noite o nosso ensaio para o filme. Decorei meu graaaaaannnnnde texto. O ensaio estava marcado num apartamento na beira da praia. Sai um pouco mais cedo para caminhar no calçadão. Quando fui atravessar a rua no sinal olhei para o primeiro carro da fila e tive a nítida impressão de que quem estava no banco do carona era o Detetive Machado. Por um segundo nossos olhares se cruzaram, o sinal abriu e o carro arrancou com toda velocidade. Era ele sim. O Machado não estava morto e nem fora do Rio de janeiro. Consegui anotar a placa do carro.

17 Comments:

Blogger Borboleta Bia said...

Chá de novela

Para os gregos
Erva do mel de abelha
Para os ingleses
Poderes mágicos de atração
Amor desejado

Feche os olhos por um instante
Sinta
O aroma suspenso no ar
Parece limão
Mas não é!

Beba o sabor das folhas frescas
Enquanto a temperatura estiver elevada
Só assim consigo equilíbrio
Para controlar tais palpitações no coração

Se eu fosse orgânica
Teria uma única vocação
Ocuparia cada espaço do seu corpo
Seria calmaria natural da insônia

Feche os olhos por um instante
Ouça
Foram apenas passos de plástico que passaram por aqui

Gabi

Ps.: Esta saga rende um segundo livro. Isso está muito bom!

1:41 PM  
Blogger manuh said...

Graaande Tico,
não canso de dizer que é maravilhosa sua forma de expressão com relação à novela, sempre abordando nossos assuntos mais polêmicos. Desta vez do outro lado da moeda, falando sobre os babacas que não estão nem aí para a manifestação que fazemos por eles, por essa sociedade que não quer nada com nada, e ainda por cima sempre reclamando daqueles que lutam pela dignidade deles.
Mais uma vez deixando um mistério no ar...

Beijo grande,
Manu.

2:12 PM  
Blogger Daniel said...

A novela está cada dia mais interessante. Venho acompanhando desde o comecinho. Mas só agora posso comentar!

(...)não sei pq mas tudo parece tão real!rs

A nessecidade das notícias ruins para a obtenção de lucro dos jornais, e da mídia de uma forma geral chega a ser 'medonho'. E a parte que fala sobre passeata tmb tá demais!

Grande abraço Tico.
[Esse é meu primeiro post no blog. E pode ter certeza que apartir de agora postarei aqui sempre]

Sorte, luz e tudo bom.
Hoje e sempre!

3:14 PM  
Blogger Suelen DRC said...

Reviravolta.
Putz, o Detetive Machado vivo... quem diria hein!?
Por isso que estou adorando o contexto da história, surpreendendo cada vez mais!!

Beijos querido!!

3:48 PM  
Blogger Pauline T.n.T said...

bastante curiosa pra acompanhar o desenrolar dessa trama...
tá bem bacana!

3:59 PM  
Blogger Bianca Xavier said...

Está ficando muito interessante e curiosa a história!To ansiosa pra ler os próximos capítulos.
Só ta faltando um nome para a novela,não acha?
Espero que vire um livro! (to imprimindo todos os capítulos)
Eu ia dar algumas sugestoes,mas acho que vc ja deve ter o próximo capítulo em mente!
Mts beijosssssss

4:23 PM  
Blogger Kari said...

Aí aí, que eu tô adorando essas críticas!!!!

E essa estória em? Cada dia mais emocionante.
E aí? O que ele fez com a placa?

Beijos,
Kari

5:02 PM  
Blogger Tita. said...

Haaaa, parabéns pro Flávio (Anselmo, aah), conseguiu finalmente um papel um pouco maior.
E cada vez mais eu acho q foi o Machado q cometeu os crimes, e essa aparição dele no fim ta mtoo suspeita.
Manifestações não são iníteis, depende do porque dela, os politicos mtas vezes não dão bola, mas eu acho q quanto mais as pessoas se manifestarem por uma causa, cada vez mais outras pessoas vão querer se manifestar e de alguma forma nem q seja pequena, vai cutucar o governo!
Booom, é isso Tico
ótimo capítulo!
Beeeeijos, ótimos próximos shows e PAZ pelos palcos do Brasil!

6:39 PM  
Blogger Danielle said...

ESSA PARTE DA MANIFESTAÇÃO..ENTÃO ERA O FLÁVIO NAQUELE ÔNIBUS ?...rsrs..
É A REALIDADE IMITANDO A FICÇÃO..MAS NÃO SERIA O CONTRÁRIO ?

AGORA, O FLÁVIO MAL CONSEGUIU SEU PRIMEIRO PAPEL É JÁ QUER SER DE SUMA IMPORTÂNCIA PARA O ENREDO DO FILME ? PO..ELE DEU FOI SORTE DE NÃO TER SIDO ESCALADO PARA SER UM DAQUELES FIGURANTES DE FESTA QUE FICAM COM GUARANÁ NA MÃO FINGINDO QUE É WHISKY...rsrs..

BEIJOS,

DANNY

9:23 PM  
Blogger **Renata Ferri** said...

Um ponto positivo o filho não ser do Flávio Salinas, e também ele não ser citado nos escritos de Sheila.
Agora, quanto as manifestações e sua posiçao em relaçao a essa questão..Flávio está totalmentente errado e é simplesmente mais um homem na populaçao que diz que nada resolve, que expor seus sentimentos, sendo raiva, indignaçao ou amor nao adianta de nada.
Mais um com pensamento pequeno e mesquinho.
E o detetive Machado..o que aconteceu com ele?
Será que ele está vivo mesmo???

Bêjo0s,
Rê!
Te amo MEU SANTO FORTE!!!
E até amanhã!

4:29 AM  
Blogger (( Brunosauay )) said...

E a novela a cada dia mais viciante e bem original.
...Infelismente O Brasil virou um país de moradia para traficantes foragidos, onde o dinheiro aqui sempre falou mais alto.

Mais vamos vê no que vai dar, com o Detetive Machado ainda vivo, a estória fica ainda mais curiosa e apreensiva.

Até a proxima saga da nossa realidade cotidiana.

ABRAÇO!

5:04 AM  
Blogger DÉIA said...

NINGUEM GOSTOU DA IDÉIA DE TRNSFORMAR O TICO EM PRESIDENTE!
QUE DROGA!
SÓ ME RESTA DIZER QUE A NOVELA ESTÁ O MÁXIMO.
E QUE O TICO É UM CHATO!

9:10 AM  
Blogger borbô * said...

Cadê a Carolina?

Salinas deveria saber que se não tiver um padrinho ou madrinha começa com papel pequeno mesmo, porque tudo é a base de Q.I. nesse país.

Enquanto isso ele se diverte com sites de sacanagem porque a Melissa tá osso.

:)

11:35 AM  
Blogger borbô * said...

Tico para presidente ??????

:S

11:42 AM  
Blogger borbô * said...

Tico chato ???
Ah ninnnnnnnn, o Tico é massa.

:)

11:44 AM  
Blogger Inamara said...

Outro dia o Tico escreveu aqui neste blog:
"PARECE QUE ESTA TODO MUNDO SATISFEITO E QUE OS INSATISFEITOS SÃO UNS CHATOS QUE FICAM RECLAMANDO DE TUDO."

Eu também sou uma insatisfeita...ou seria uma chata??
Não me incomodo com rótulos mesmo....tem tanta coisa falsificada com rótulo de boa!! Prefiro o conteúdo!!!!
Beeeiiijooosss....TODOS!!!

3:13 PM  
Blogger Jaquelyne said...

Oii Tii..

tudo boum???

amandoo a saga...
rindo dimais aqui
hauahuahau
viciados?
hauhauahau nem um pouco ne gente hauahua

3:39 PM  

Postar um comentário

<< Home