sábado, setembro 01, 2007

Tropa de Elite-O FILME- pirata?

O que fazer?

Acordo pela manhã na última quarta feira e a responsável por cuidar da minha casa me faz a seguinte pergunta:
- Você já viu aquele filme da polícia?

Respondo que ainda não, só havia lido o livro.
Tropa de Elite é um livro e que livro!!!!!!

Tenho acompanhado as notícias nos jornais sobre o rapaz que divulgou o longa antes do combinado gerando um mercado pirata que já vendeu mais de 1 milhão de cópias.
Procurei saber quem já tinha assistido e não foi surpresa alguma descobrir que pelo menos no Rio de janeiro todas as pessoas pra quem perguntei responderam que sim:
- É filme para ganhar Oscar!!!!!

Quase uma unanimidade.
Pensei o que Nelson Rodrigues diria nesse caso.

Minha curiosidade aguçada esbarrou no meu critério ético de esperar a película chegar aos cinemas para enfim ter acesso a história. Continuei acompanhando o caso e percebendo o paradoxo que isso estaria gerando.

De fato que pelo menos o LIVRO deveria ser lido por TODOS OS CIDADÃOS BRASILEIROS, mas vivemos num país de analfabetos incluindo os funcionais (Você sabe o que é um analfabeto funcional? ) . Livros não são o forte de nosso povo, estamos muito distante dessa realidade ainda. Pois bem. Temos a televisão e o cinema para "facilitar" o acesso a determinados conteúdos pela população que se contenta muitas vezes em não se aprofundar.

Recebendo a informação de que mais de UM MILHÃO (não posso afirmar se isso é verdade) de pessoas já assistiram Tropa de Elite antes mesmo de chegas as salas, concluo que como tudo na vida isso tem seu lado bom e seu lado ruim.

Vamos começar pelo direito autoral dos criadores desse projeto.
Quando compramos um cd ou DVD pirata estamos pensando somente nos nossos interesses. Ignoramos que uma produção como essa empregou e empregará muitas pessoas direta e indiretamente. Tem custos, tem uma série de critérios que devem ser levados em consideração.
Vale a pena comprar um produto pirata?

Por outro lado, sabemos que o acesso da camada mais pobre aos cinemas é restrito, muitas vezes pela falta do hábito ou pelo baixo poder aquisitivo que não permite um gasto com qualquer atividade cultural. Sendo assim, um DVD comprado por 5 reais no camelô, acaba dando o direito a estes de fazer um contato que estaria mais distante da realidade pelos meios convencionais.

A queda de braços na argumentação pode ser infinita tamanha a quantidade de prós e contras para estes termos que vão da questão social que gera o desemprego e o consequentemente crescimento do mercado informal da cultura pirata, até os altos impostos cobrados pelo Governo que taxa tanto as mercadorias que acaba estimulando as pessoas a buscar alternativas mais viáveis.

Para que tenhamos um país justo que nos dê direito a cobrar das pessoas determinados comportamentos, temos primeiro que oferecer condições para isso e nesse país de PIRATAS ESPALHADOS POR TODOS OS PODERES, como podemos apontar nosso dedo para alguém e condenar determinadas atitudes mesmo sabendo que estão fora da lei?

Olha o paradoxo ai !!!!! ( Você sabe o que é um paradoxo?)

Vale a pena lembrar que nem sempre estar dentro da lei significa estar sendo justo.
Justiça e lei são conceitos discutíveis e este é assunto para um outro post.

O fato é que uma dessas cópias caiu nas mãos de um amigo meu.
Ele assistiu e emprestou para outros vários amigos que assistiram e copiaram e passaram adiante, disseminando como um vírus ultra potente por todos os lados.

Bom pra quem?
Ruim pra quem?

O filme veio parar em minhas mãos esta última noite, me colocando num confronto moral e ético que pode parecer bobagem para alguma, mas que mexe profundamente com meu espírito.

Minha parte boa dizia: - Espere chegar ao cinema, não vá colaborar com essa atitude que tanto recrimina. Ver um filme pirata, isso não é também uma atitude que você combate?

Minha parte duvidosa dizia: - Que mal há em assistir o filme? Você não comprou de ninguém, ele esta ai bem na sua frente. Já leu o livro, assista, veja o trabalho que eles desenvolveram. Tire suas conclusões.

Ver ou não ver, eis a questão.

Tudo isso veio a tona, mas fiz um acordo ético comigo mesmo.
Conto mais adiante.

Peguei o DVD como se estivesse cometendo um crime e coloquei no meu computador.
Já passava da meia noite e decidi que assistiria Tropa de Elite.
Começou. Fiquei atento, compenetrado do início até o fim.
Excelentes atuações. Excelentes imagens. Realmente é um filme para ganhar Oscar.
Embora como todas as adaptações, deixe muitas informações e muitos conteúdos altamente relevantes que o livro guarda, a história vai causar um grande impacto na sociedade brasileira, principalmente no que diz respeito à imagem da polícia.

Vai gerar reflexões inteligentes e interessantes também aos usuários de drogas, que estarão frente a frente com um paradigma que deve ser discutido IMEDIATAMENTE por todos que tem algum interesse em tentar resolver este problema crônico da violência.
Não me refiro as drogas em si, pois sabemos o potencial de destruição e em minha opinião cada um deveria ter o direito de escolher se destruir ou não. Mas aquela velha questão que NOS COLOCA NUMA encruzilhada HIPÓCRITA e demagoga quando vamos discutir a LEGALIZAÇÃO.

O filme nos levará a um questionamento muito interessante.
Quem é que ganha dinheiro com o comércio ilegal nesse país?

Bom, agora vamos ao acordo óbvio que cheguei para diminuir a sensação de que estou colaborando com uma atitude no mínimo questionável para uma pessoa que luta tanto pela honestidade.

Assisti Tropa de Elite. Isso é um fato.
Mas farei questão de ir até o cinema, comprar o ingresso, mesmo que venha a ser convidado para a pré-estréia (como muitas vezes acontece). Isso é o mínimo que posso fazer para prestigiar e recompensar os produtores, atores, diretores, todos que participaram desse excelente trabalho.
É a sugestão que deixo a quem já teve a oportunidade de assisti-lo antes da hora.

O problema está ai, não tem mais como voltar atrás.
O filme é um sucesso nas bancas piratas. Mas não podemos deixar de valorizar aqueles que proporcionaram esta oportunidade a todos nós. Sendo assim, COMPREM OS INGRESSOS, colaborem para que possamos fazer crescer a indústria cinematográfica brasileira e vamos torcer para que ele se torne também um SUCESSO DE BILHETERIA.

De um jeito ou de outro, estarei vendo NOVAMENTE NA TELONA.

E torcendo pelo OSCAR!!!!!!!

Agora o cara que fez a primeira cópia e distribuiu é um problema, da própria polícia.
Que ironia não?

Tico Sta CRuz

35 Comments:

Blogger Khalee Whiteagle said...

Quando estréia o filme?

Acho que a solução que você encontrou pro dilema foi legal, Tico...e mostrou como você tá consciente na situação toda.

Não li o livro, vou procurar.

bjs

8:46 AM  
Blogger auau said...

Oh Tico muito bom mesmo
as suas dicas..em dias de hoje é muito dificil achar algo interessante, pois todos so querem saber de futebol, mulher pelada e televisão (a parte futil).
Vejo a vida de uma forma diferente, mesmo com a pouca experiencia que eu tenho!!
Tenho feito alguns movimentos aqui na minha cidade, as vezes te mando emails com as fotos das apresentaçoes, essa semana iremos a uma escola publica...
precisava de alguns conselhos sobre reflexoes coletivas....

auiriau@yahoo.com.br



Brigado

Luz

9:05 AM  
Blogger Ana Paula said...

oi amore

adorei a dica viu
ah!!! ainda não vi o filme

(rsrsrsrs)

vivo pelo amor

10:25 AM  
Blogger Rosa de Janeiro said...

Gostei da sinceridade. E gostei também da idéia que você deu. A merda já está feita mesmo não é.

Mudando de assunto, sobre o post anterior gostara de dizer que você está evoluindo bastante. Achei muito inteligente a iniciativa. Pena que o povo sofrido das comunidades pobres em vez de fazer reinvidicações e manifestos inteligentes, apedrejam onibus e destroem o pouco que lhes é oferecido.
Mas infelizmente não podemos esperar muita inteligencia politica de um povo analfabeto funcional.
Vai lá. força! e poxa, mais uma vez não irei no circuito de poesias porque terça é dia de curso e não da pra faltar.

Bjão. até mais!

10:42 AM  
Blogger LETI said...

Ok, todos podem cair em tentação um dia. O que vale é realmente ir no cinema depois.
Eu vou aguentar desta vez, firme e forte... já que sou uma entre os vários que não li o livro, ainda me resta um tempo para faze-lo antes de ir a telona!! Livro depois de filme perde a graça, tira toda a criação na mente que esta lendo.

Um abraço e continue criticando precisamos deste movimento
Le

10:42 AM  
Blogger Renato Junqueira said...

Fala Tico, coincidentemente minha vizinha chegou hoje de manhã dizendo que assistiu esse filme noite passada hahhahaha. Mas sobre tal situação,não tem muito como discutir. A sociedade é extremamente desigual, porém a lei diz que somos todos iguais perante a mesma. A lei é criada pelo governo, e este não nos permite essa igualdade utópica da qual tanto se fala...é tudo um tanto contraditório. Gostei do seu trato consigo mesmo, hahahah, muito bom mesmo. Eu ainda não li o livro e nem assisti ao filme, mas prefiro ler antes. Então é isso cara, e parabéns pelo circuito do dia 28 lá na Estácio, foi bom demais!!!
Grande abraço,
Renato,RJ.

11:00 AM  
Blogger Alexandre Hallais said...

Grande Tico Santa Cruz!!!

Eu tenho que reconhecer a belíssima pessoa que você é.
Seu comentário sobre o filme é fantástico. Precisamos dessa consciência e moral mesmo.
Nossa luta é a sua luta. Sua luta é a nossa luta.

Brother... aplausos... aplausos...
Eu precisava te dar um abraço e dizer o quanto a sociedade precisa de pessoas como você.

Vou comprar o ingresso e o filme original, quando este estiver disponível nas lojas.

Você é sinistro!
É isso mesmo.

Deixe-me mostrar algo que escrevi para outro cara foda.

Quando se perde o amor, deforma-se a conduta e perdemos nossos dias de paz

Para Rodrigo Netto (Detonautas)

Ele não!
Como puderam tomá-lo de uma vez?
Cortaram os fios que Deus havia prendido
E os movimentos partiram,
Até os sorrisos encolheram.
Deixar vazio, um espaço eterno
Para o palco sem platéia,
De aplausos gravados em recordações.
Quem o levou o interrompeu,
Mesmo que ele ainda tivesse o que
Dizer.
Talvez seja de formação
A deformação e a má educação em
Romper bruscamente os vinte e nove com
“Um amanhã incerto”.
Ele não!

(Hallais, Alexandre – Rio de janeiro, 10 de junho de 2006)


Tico,

não precisa aceitar este comentário, mas essa tragédia me abalou muito. Já ensaiei entregar esse texto nas suas mãos diversas vezes, mas faltou-me coragem. Eu te respeito muito, assim como o Rodrigo e toda a família DETONAUTAS.
Guarde com você. Não me interprete mal, mas saiba que essa dor também foi minha.

Desculpe se escrevi alguma bobagem, mas queria que você soubesse de minha dor.

Tenho muito respeito por você, tanto que nunca tive coragem de falar com você na Letras e Expressões, apesar na insistência de minha esposa.

Um forte e sincero abraço,

Alexandre Hallais

2:22 PM  
Blogger M. said...

Esse filme deve ser uma epidemia mesmo... hoje e ontem ouvi vários comentários...vou ver no cinema ..pela imagem e som..claro..mas esse lance de ver o pirata e tal..é uma questão de bom senso...pra quem pode pensar assim...se quisessem mesmo que toda a população tivesse acesso a cultura...já teria acontecido...não tem...então,quem não´tá podendo gastar no cinema,fica condicionado a certas coisas...se existe o pirata é porque .... não sou a favor da pirataria. O nosso país e o resto do mundo que é muito hipócrita.É só isso. Pirataria é crime e o acesso medíocre a cultura deveria ser também!

Beijo na nuca,Guilherme.

M.

3:40 PM  
Blogger Inamara said...

Tico
Estou a mais de 3 horas lendo seu blog...ali�s passei quase que meu s�bado todo dedicado a vc (aproveitando o friozinho pra ficar em casa mesmo), as letras da sua banda, copiando fotos da Net pra meu arquivo pessoal...enfim...estou A P A I X O N A D A mesmo....
Vc � especial...inteligente....sens�vel...engajado...e insone( eu tb sou...kkk) e LINDISS�MO!!!
Nossa...costumo dizer �s pessoas que vc n�o � apenas um ser humano...VC � UM ORGASMO!!!!...e daqueles que a gente chega a pensar que n�o tem nada melhor na vida...nem comer, dormir, beijar, abra�ar...sei l�....Fico enlouquecida quando te vejo....
N�o sei se vc pode melhorar, mas acredito que todos os dias todos n�s podemos...mas ent�o....onde vc vai parar???? Parab�ns...e... sucesso n�o cai na cabe�a de ningu�m....s� pra quem tem talentos especiais e vc tem v��riiiooosss!!!

Mega Beeeiiijooosss

10:24 PM  
Blogger Junior São gonçalo said...

Me enquadro na quase totalidade da população que assistiu a versão pirata...
Deixando a hipocrisia de lado (como sempre devemos agir), realmente acho que a pirataria não é o caminho. Nem desculpa para "descontar" a nossa insatisfação com todos esses impostos absurdos, geradores do alto custo no produto final....
Por outro lado, acho que, é até uma questão de educação, consciência..de cada um de nós...assim como aconteceu com você.
Por exemplo, se você tirar 1(uma) cópia de um CD que você comprou, e passa-la para um amigo que talvez não tinha condições para comprar o tal, AO MEU VER NÃO É PIRATARIA!!!
Diferentemente, daqueles que tiram 100, 1000 cópias, e dessas tiram proveito com o trabalho alheio...todo desvalorizado... Aí não.

Pois então... no mínimo discutível...

E COM CERTEZA IREI AO CINEMA PARA PRESTIGIAR O FILME!!! MARAVILHOSO!!!


DEIXEMOS AS HIPOCRISIAS, DEMAGOGIAS E AFINS, DE LADO!!!

SEJAMOS NÓS MESMOS!!! SEMPRE!!!

Parabéns pelo exemplo...

Forte Abraço meu amigo!

JUNIOR

11:46 PM  
Blogger Tia Etiene said...

Meu amigo Tico!

Ontem tentei fazer um comment sobre o post anterior, mas não consegui. Então gostaria de falar sobre ele primeiro. Bom, achei a idéia das laranjas fantástica! Eu tinha conversado sobre exatamente isso com as crianças na véspera, falando que a gente deveria fazer uma laranjada, mas que tinha tanta coisa podre, que estragaria o gosto...

Sobre este post, tenho a dizer o seguinte: EU, não assisto. Tenho uma coisa muito forte formada na minha cabeça em relação à pirataria que não me deixa assistir. Acho que medo de não conseguir parar de usar, de me acostumar, que mais uma vez, como em tantas coisas no Brasil, isso seja normal. Existem os dois lados da moeda, como você sabiamente disse, mas eu prefiro ficar firme no meu. Sou formadora de opinião, lembra? E minhas crianças precisam desse referencial. Aliás, são as famílias dessas crianças que sustentam essa ilegalidade, e eles precisam saber que alguém não compra cd e dvd pirata. Mas, como nem todas as pessoas pensam assim, meu ilustre esposo arranjou emprestado o filme, se fechou no quarto, e quando eu entrei, vi uma cena de um saco na cabeça. Meu amigo, acho que nem no cinema vou não! É diferente de filme de terror, sabe, porque isso é REAL! Uma pessoa depressiva como eu não agüenta lidar com essa realidade tão dura... O que acho interessante, pelo que já ouvi falar do filme, é realmente tirar a máscara da corporação.
Em relação às drogas, a hipocrisia é realmente muito grande. QUEM NÃO USA DROGAS???? As minhas são compradas ora com receitas azuis, ora com brancas... A bebida, não posso mais usar em função delas, mas fiz a opção um dia de usar e posso voltar a usar um dia, porque o uso dela nunca comprometeu minha vida. Nunca fumei nada, nunca cheirei pó, mas não porque era proibido, mas porque não me atraía. As pessoas não fazem a ligação drogas/violência! Isso facilitaria na hora de descriminalizar.
Estamos na luta, meu amigo!
Você é especial demais...
Gostaria muito de agradecer a você e a todos os Voluntários pela atenção no Circuito. As crianças (e eu também!!!!rs)ficaram fascinadas, e foi muito lindo no dia seguinte ver aquelas carinhas, com os olhos brilhando cantando músicas que nem eu tinha gravado...

Que você não deixe nunca seus ideais pelo caminho... Eles dão força pra muita gente...
Te amo, Tico!
Beijos
Luz
Etiene

6:50 AM  
Blogger Cláudia Vila Nova said...

Tá aí Tico,não tive a "boa sorte " de ter esse DVD em minhas mãos nem por intermédio de amigos ,nem encostando numa banca de camelô.Vou ver mesmo é no cinema..daí,quem sabe,num ato de saudosismo,compro um pirata e revejo em casa.Pois ainda não vejo justificativa de se cobrar,mesmo com tantos gastos,um preço exorbitante por um DVD original.Forma de protesto?Não sei.Quem sabe.Só que tem coisa muito pior acontecendo no nosso país e niguém tem o menor interesse em combater.Não é mesmo galerinha do prédio duplo aqui da minha cidade?(Brasília)
Beijos pessoa linda por dentro e por fora.
Claudia Vila Nova.

10:37 AM  
Blogger Nina said...

Nossa,Tico,essa coisa de pirataria � mesmo muito complicada,mas existem pessoas assim como vc q me faz acreditas q tudo isso um dia vai mudar,como tantas outras coisa no Brasil...
um bjo e tudo de bom.

11:57 AM  
Blogger Palavras de um mundo incerto said...

Tico,

A desonestida e a honestidade.
O bem e o mal.
O interesse e o desinteresse.

O certo e o errado.

Teste, prova.

Isso tudo num barco só.

Quem luta pelo bem tem que usar o mal como objeto para o surgimento da verdade.

Valeu!!!

Abs!

Marcos Ster

1:31 PM  
Blogger Diário_de_guerra said...

li o livro e realmente é fantástico. esperamos chegar nos cinemas.
quanto a questão da pirataria, é um lance polêmico que deve ser bem discutido.

2:06 PM  
Blogger Sinceros Dias said...

Saudades de comentar aqui...
Serei sincera, não li só passei por aqui para poder sentir um pouco da boa energia que você senhor seu santa cruz transmite...
Saudades até qualquer dia desses num show ai,ok!

bjossssssssssssssssssssssss

Laine Bento

2:20 PM  
Blogger Monica said...

Oi Tico
Sei que não temos o direito de julgar ninguem, nem estamos aqui pra isso, cada um é responsavel por seus atos, desde que não prejudique ninguem. Mas acho que podemos dar nossa opniao, como você o faz, e muito bem, senão você não estaria onde esta hoje.
Discordo completamente do seu post Tropa de Elite. Fiquei extremamente decepcionada com a sua decisão de assistir à copia pirata. Admiro o fato de assumir, de não ser hipocrita ao dizer que não o fez e jamais o faria, mas infelizmente não justifica o fato de que você contribuiu com o crime, indepedente do fato de ir ao cinema, comprar o ingresso, comprar o dvd, o fato é que você, como esse um milhão de pessoas, contribuiram com essa situação triste, principalmente para vocês artistas. Nos precisamos de cultura, é fato, seja ela mais barata, viavel, que venha à nos.
Acho que a batalha contra a pirataria é principalmente por razões morais, porque a gente sabe que, economicamente ou politicamente, tudo é contra a luta pelos direitos de divulgação: a technologia, a internet, a facilidade de piratar, não temos duvida que é uma batalha dificil, mas a morarilade (não a falsa moralidade), a consciência de que precisamos pensar diferentemente, ser conscientes da situação global, de tudo o que envolve a pirataria.
Acho que na posição em que você se esta, nos exemplos que você da as pessoas, aos jovens, você foi contraditorio, não quero ser moralista, mas hoje, suas palavras estão tendo um peso maior, pensa nisso, e siga sua consciência.
Talvez não esteja acostumado a receber coments que não sejam elogios, mas é isso ai, o espaço foi aberto, te admiro muito, mas não estou de acordo com sua opinião, porque tenho certeza que você ira ao cinema, sabemos disso, mas e os outros um milhão, ou mesmo os que ainda não assistiram, ou que assistirão certamente em copias pirata, ou mesmo os seus amigos que te passaram a copia, sera que eles irão ao cinema????

Grande abraço

Monica

3:12 PM  
Blogger Danielle said...

PELO POUCO QUE LI DO LIVRO E SOBRE O LIVRO..ACHEI-O ÓTIMO !
QUANTO À PIRATARIA É ALTAMENTE DISCUTÍVEL, PRINCIPALMENTE QUANTO À FACILIDADE DE ACESSO...É TENTADOR SABER QUE ESTÁ PRATICAMENTE AO ALCANÇE DAS MÃOS...
NESSE MOMENTO EM QUE ESTOU ESCREVENDO LEMBRO QUE MEU IRMÃO ME AVISOU QUE DEIXOU O PC LÁ EM CASA LIGADO BAIXANDO ALGUNS FILMES VELHOS E NOVOS..ENTRE ELES...
MINHA CURIOSIDADE TAMBÉM É ATIÇADA...E PENSO NA CADEIA DE EVENTOS PRÓS E CONTRAS...E COM MINHA DOSE DE EGOÍSMO PENSO EM MIM MESMA...DESCONFIO QUE CEDEREI ´`A TENTAÇÃO..À PRATICIDADE APESAR DE SER MUITO PROVÁVEL QUE EU VÁ AO CINEMA VER O FILME POIS MEU AMOR À TELONA É IMENSO...GOSTO DA MAGIA DA SALA ESCURA...MAS ISSO NÃO IMPEDIRÁ QUE EU SAIBA QUE MAIS UMA VEZ ALIMENTEI UM CÍRCULO VICIOSO...

BEIJOS,

DANNY

7:30 PM  
Blogger *Vanessa Lima* said...

Estava falando sobre este filme no sábado com alguns amigos. Por aqui, a pirataria ainda nâo é tão forte como aí no Rio, aqui na Serra a internet no momento é a grande vilã deste mercado.

As coisas por aqui, têm uma velocidade muito menor, mas que a cada dia que passa sinto que está mudando, precisamos fazer algo rápido!!

Quanto aos analfabetos funcionais, sei que representam quase 70% da sociedade brasileira. O que é isso meu Deus!!?? Precisamos reverter este caso...

Ah! O "Voluntários da Pátria" está mais ficando casda vez mais perto daqui, ;) rs**

E com relação ao filme, verei no CINEMA.

Beijos

8:28 AM  
Blogger Carlos said...

Também assisti. Começou o tempo inteiro falando do SISTEMA e...Também vou assistir no Cinema, pois não está completo. E se no caso de estar acabado; não está completo.
Mostrou uma polícia, que se diz não ser Corrupta. Será?
Mostrou-se uma polícia alienada e que nessa altura do compeonato, não "passou a mensagem" que está tão em voga nessa hora.
Não se apontou uma alternativa. Seria plantar?
E aí Tropa de elite, o que vc me conta?
Abraços,
Paulo Mileno

2:01 PM  
Blogger kk_baby said...

Quero assistir....um post inteiro falando sobre o filme...e tambem sobre pirataria...devemos prestigiar sim o cinema brasileiro que por sinal vem crescendo e MUITO tenho orgulho disso um dia a gente chega lá quem sabe não agora né?? Quero ler Tropa de Elite e ver o filme quando tiver feito tudo isso lhe aviso.
beijao Ticooo

4:25 PM  
Blogger Nathiane said...

Tico...
Saudades de ler seus textos...
Voltei pra ficar.
Ah, continuo sem acreditar que vocês não estão no Ceará Music.
Tenho que viajar para assistir um show de vocês. Ou então vocês vem para alguma cidade do interior do ceará que fica mais próximo de Fortaleza.
Quem sabe o Crato?

Até mais,
Nathiane Capibaribe
www.fotolog.com/nathicapibaribe

5:09 PM  
Blogger sao29502 said...

Li seu texto na madrugada de domingo para segunda. Fui dormir e o assunto ficou martelando na minha cabeça o dia inteiro. Travei uma luta comigo mesma, tive que me revirar pelo avesso para me conter e ficar quieta desta vez...
São quase quatro da manhã de terça feira e não tive outra escolha a não ser escrever aqui sobre o que me incomoda.
Confesso aqui o meu desapontamento pela situação que chegamos, pelo fato disso ser tratado com tanta naturalidade ...o ato de desrespeitar o direito dos outros, de imagem, de produção e etc.
Acho que o fato de assistir antes vai acabar com a curiosidade e desestimular SIM muita gente de assistir ao filme no cinema. Podem dizer que não, mas acho que o tempo vai, infelizmente, acabar mostrando isso através da diminuição de verba voltada para os projetos culturais, levando a um desestímulo das produções cinematográficas, dos shows, dos discos e etc. Onde vamos parar? A quem essa pirataria favorece?Qual o custo benefício disso?Dizer que isso é para o bem das pessoas carentes...é pura balela pois creio que a maioria também não teria acesso a um computador para assistir ao filme! O que essa pirataria faz é também investir na diminuição ou até no desaparecimento de um produto magnífico que é o filme no cinema, dos atores, produtores e etc. Ou será que somente aplausos e fama enchem o estômago destes artistas e de todas as pessoas envolvidas na produção de um filme?
Será que com esse ato de assistir a um filme pirata não estamos ajudando a acabar de vez com tão preciosos bens e desfavorecendo ainda mais a proliferação da cultura que tanto buscamos?

11:58 PM  
Blogger Alessandra said...

só passei para deixar 1000 bjinho

2:06 PM  
Blogger Suelen DRC said...

Ainda não assisti ao filme!!
É tão bom ver a sua posição sobre esse assunto, seria ótimo se todos que assistiram ao filme(pirata), tivessem o mesmo pensamento e fossem assistir a estréia do filme no cinema!!
Só que sabemos que infelizmente essa não é a nossa realidade!!!
Tb torço pra que seja um sucesso de bilheteria!!

Bjocas em seu coração querido, te amo!!!

6:58 PM  
Blogger Caroline said...

Esse problema da pirataria é um caso sério mesmo...
E por muitas vezes fica em segundo plano devido a tantos outros problemas que existem no Brasil.
Sua solução de depois ir ao cinema prestigiar o filme foi um decisão plausível.
Não li o livro, mas fiquei curiosa.
Quando tiver um tempinho, vou procurar...

Beijos
Te admiro muito e adoro seus textos
Fica com Deus.

7:40 PM  
Blogger Auíri Au said...

Acabei de assitir o filme, a questão da pirataria vou deixar de lado, pois o motivo do meu post(novamente)é a história do filme, porra Tico, muito bom mesmo, será que no final eu fiquei puto quando o Neto morreu(outro paradoxo infelizmente)
Acredito que o filme mostra o que todo mundo sabe que existe mais fecha os olhos para não existir!!!
Mais no fundo ainda há esperanças!!!




Auíri Au

9:40 PM  
Blogger Dafne said...

oi ticoo!!
td bem??
pow eu adorei a ideia q vc deu e sua siceridade tbm!!é a primeira vez q to vindo aqui no blog!eu fui na apresentaçao dos voluntarios la na castelo branco ontem!foi muito bommmmm!!!!esse projeto é d++!ja fui em show seu com os detonautas mas nunca pude falar com vc!!e finalmente ontem eu consegui!!concerteza vc nao deve lembrar de mim ne!uma loirinha q falou pra vc voltar + vezes e ir na lona de realengo de novo!!huahau!foi td muito bom!!!o blog ta foda!vou passar sempre por aki!!
parabens pelo trabalho heim!!!

bjaooo

7:42 AM  
Blogger the tonautas said...

Oi, Tico.

Eu também assisti ao filme e fiquei espantado com a atuação dos atores e ao mesmo tempo um pouco aliviado de ainda existir Policiais honestos e sinceros(Mesmo sendo há 10 anos atrás). Deixo aqui os meus parabéns para não só o meu conterrâneo, Wagner Moura, como também para os demais atuantes (estudantes, favelados, etc.)

Vou fazer questão de ir ao cinema também pra prestigiar essa obra Nacional.

Ah, Tico. Hoje eu peguei a Viola de meu pai pra levar pra consertar e dar a ele de presente de aniversário (sei que o seu está perto também ^^) e olhei dentro dela. Ano 1973. Fabricado na Rua "VOLUNTÁRIOS DA PÁTRIA - SP". Você sabia dessa rua ou foi só coincidência?

A propósito. Hoje é um dia especial. O Renan perdeu na votação. 11 contra 4. Agora deixo aqui a pergunta que não quer calar... Será que ele vai ter o mandato dele cassado mesmo?

Pois bem, é o que veremos.

3:52 PM  
Blogger Mayanna said...

Boa Noite à Todos!!
Eu já assisti esse filme, e confesso que é maravilhoso...
Comentei sobre esse filme à todos,e a primeira coisa que falei; foi que esse filme é tão bom,que todos nós devemos dar o verdadeiro valor à todos que se envolveram nesse projeto,e proporcionaram esse grande FILME!!
E com certeza irei ao cinema...Vale a pena!!!
Acreditem!!!!!!!!!!!!
E Tico,venho parabenizá-lo...Pois como SEMPRE fiquei maravilhada com seu texto.Você escreve magnificamente =)
E alguém perguntou quando será o lançamento do filme,a data que irá estrear nos cinemas de todo o país,será dia 12 de outubro.

3:42 PM  
Blogger Déborah Lessa said...

Você disse tudo. Sem palavras. Até os cinemas. Bjs

1:21 PM  
Blogger Reticências said...

Sobre os analfabetos

Segundo a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura UNESCO , é considerada alfabetizada a pessoa capaz de ler e escrever pelo menos um bilhete simples no idioma que conhece.

E analfabetos funcionais são as pessoas com menos de quatro anos de estudo.

Para a organização, mesmo que essas pessoas saibam ler e escrever frases simples, elas não possuem as habilidades necessárias para satisfazer as demandas do seu dia-a-dia e se desenvolver pessoal e profissionalmente.

O Brasil tem 33 milhões de analfabetos funcionais (cerca de 18% da população), ou seja, pessoas com menos de quatro anos de estudo, e 16 milhões de pessoas com mais de 15 anos que ainda não foram alfabetizadas.

Sobre a pirataria

Não vou entrar muito na questão. O filme tb chegou em minhas mãos através de uma rede de amigos.

Livro e Filme

Segundo os produtores, o vídeo que circula por ai antes da estréia, não é a versão que estará nos cinemas em outubro.

Pelo bem, ou pelo mal, a repercussão em torno dessa pirataria acabou provocando a curiosidade de muita gente, que não leu ou assistiu ao filme. A propósito, a estréia será no dia 12 de outubro.

Como vc disse o filme é baseado no livro “Elite da Tropa” assinado por uma das maiores autoridades do Brasil em segurança, o antropólogo Luiz Eduardo Soares, e dois policiais, André Batista e Rodrigo Pimentel. Mais do que recomendada a leitura!!!

E o Luis tb contribuiu na produção de outro livro excelente: Cabeça de Porco q conta ainda com Mv Bill e Celso Athayde.

O diretor do filme, José Padilha, tb dirigiu o Ônibus 174.


Ah, vou ao cinema...

9:34 PM  
Blogger Carlos Quintino (Rio 2007) said...

Eu vi o filme também, mas vou fazer questão de ver no cinema de novo.
O Filme vai abrir o Festival de Cinema do Rio dia 20, só para convidados. E a estréia em todo Brasil vai acontecer dia 12 de Outubro.
O Filme é muito bom mesmo, com atuações memoraveis, mas também vi Cidade dos Homens e achei um pouco melhor.

11:59 AM  
Blogger Palavras de um mundo incerto said...

Tico,

Este filme andei cassando pra ver se estava pra estrear, só que fiquei sabendo que foi proibido por mostrar a verdade dos policiais corruptos, das autoridades corruptas, e querem transformar este filme em minisérie. Chegou até mim a cópia e vou conferir. Aguardo pela estréia no cinema ou na tv(?).

Abs!

Marcos Ster

4:08 PM  
Blogger Ana Paula said...

oi amore!!!
vi o filme...
se os nossos politicos fossem = ao "bope" a nossa "democracia" ia ser outra conceteza. Que pena que não é assim que funciona, mas não vou prder as esperanças, seja utopico ou não!!!

ana paula


vivo pelo amor

11:58 PM  

Postar um comentário

<< Home